REVOLUÇÃO FRANCESA

O BAILE DAS VÍTIMAS

Ao tomar o poder na França, os revolucionários agiram com grande violência contra qualquer um que parecesse se opor ao novo governo. Esses opositores corriam  sério risco de ter seu pescoço fatiado na guilhotina. Mas como o humor negro é algo que nasceu com a humanidade, os franceses criaram o baile das vítimas. Parentes próximos de pessoas recentemente guilhotinadas, eram convidadas para um evento altamente exclusivo, para o qual muitos desesperados chegavam a falsificar os convites. E a moda para estes bailes era ainda mais macabra que o próprio baile.As mulheres prendiam os cabelos em coques no alto da cabeça (a exemplo do que se fazia com os condenados, para evitar que alguma coisa atrapalhasse a eficácia da lâmina…) e usavam nos pescoços uma gargantilha extremamente fina, em tom de sangue, para imitar o corte da guilhotina! Algumas também tramavam um laço vermelho ou violeta sob o busto e sobre os ombros, formando nas costas um curioso X. Relatos da época mostram as pessoas dançando em trajes de luto nesses eventos.

http://sociedadehistoricadesterrense.com/anakhros/?tag=baile-das-vitimas

ALGUNS SÍMBOLOS DA ROVOLUÇÃO FRNCESA

revfrancesa

A Bandeira Nacional da França, tricolor em três faixas verticais (azul, branca e vermelha), simboliza a Revolução Francesa (1789), sendo que o azul representa o poder legislativo, branco o poder executivo e o vermelho o povo, os três “dividindo” igualmente o poder. Lembrando do lema francês, as cores representam também Liberdade (Liberté), Igualdade, (Égalité) e Fraternidade (Fraternité), na ordem da bandeira, “método” também usado na moeda francesa. Com vínculo à revolução e ao império, ela foi muito rejeitada inicialmente, sendo substituída por uma bandeira branca entre 1814 e 1830. A Revolução de 1830, conhecida também como Revolução de Julho, restabeleceu a antiga bandeira tricolor, que se consagrou definitivamente.

revfrancesa2

O barrete frígio ou barrete da liberdade é uma espécie de touca ou carapuça, originariamente utilizada pelos moradores da Frígia (antiga região da Ásia Menor, onde hoje está situada a Turquia). Foi adotado, na cor vermelha, pelos republicanos franceses que lutaram pela tomada e queda da Bastilha em 1789, que culminou com a instalação da primeira república francesa em 1793. Por essa razão, tornou-se um forte símbolo do regime republicanodo Barrete Frígio (gorro vermelho) usado pelos milicianos na tomada da Bastilha.

revfrancesa3

A Marselhesa – la Marseillaise – hino nacional da França. Foi composto pelo oficial Claude Joseph Rouget de Lisle em 1792, como canção revolucionária. O canto deveria ser um estímulo para encorajar os soldados no combate d. A canção adquiriu grande popularidade durante a Revolução Francesa, especialmente entre as unidades do exército de Marselha, ficando conhecida como A Marselhesa. A revolução foi embalada por uma canção patriótica, entoada por unidades do exército de Marselha, quando entraram em Paris, em 14 de julho de 1792. Em 1795, foi instituída pela Convenção como hino nacional. Napoleão Bonaparte baniu A Marselhesa durante o império, assim como Luís XVIII na segunda restauração, devido ao seu caráter revolucionário. A revolução de 1830 restabeleceu-lhe o status de hino nacional, na década de 1830. Entretanto, Napoleão III tornaria a banir a canção até que, em 1879, com a instauração da III República, a canção foi definitivamente confirmada como o hino nacional francês, ato esse reafirmado nas constituições de 1946 e 1958.

3 Respostas

  1. Muito boa a descrição de tudo candinho!
    Abraço!

  2. Este pequeno texto ajudounos ás duas (maria e sonia) a fezer o trabalho de casa extra de frances….a sara´foi a aconpanhante de estudo…e gustou imenso de ver isto

  3. ta bem legal isso

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: